top of page
Liana Cirne prestigia missa pelos 24 anos
de morte de Dom Helder
Bancada PT - Missa Dom Helder.JPG

Neste domingo, 27 de agosto, a bancada do PT entrou unida na Igreja das Fronteiras para prestigiar a celebração em homenagem a Dom Helder, e pedir pela sua beatificação e canonização.

 

A vereadora do Recife, Liana Cirne (PT), a senadora Teresa Leitão (PT), o senador Humberto Costa (PT) e o deputado estadual João Paulo (PT), entraram em cortejo na Igreja onde Dom Helder morou. 

Snapinsta.app_371773160_18376669903021819_1939565351227991942_n_1080.jpg
Snapinsta.app_370995298_18376669924021819_2029563049457612212_n_1080.jpg

A Celebração Eucarística ocorreu na Igreja das Fronteiras, no bairro da Boa Vista, no Recife, presidida pela primeira vez pelo Arcebispo de Olinda e Recife Dom Paulo Jackson. 

“Felicidade em participar deste momento em homenagem a Dom Helder Camara aqui na Igreja das Fronteiras, local que foi moradia de um homem que sempre foi inspiração de muita luta por direitos humanos e da causa dos pobres”, compartilhou Liana Cirne. 

 

Dia da Fraternidade Dom Helder Câmara

Liana Cirne é autora do Projeto de Lei 164/2023 que institui o Dia da Fraternidade Dom Helder Camara no calendário oficial de eventos do município do Recife.

De acordo com a proposta apresentada na Câmara, a data será celebrada anualmente no dia 7 de fevereiro, dia e mês de nascimento do Arcebispo.

Dom Helder é celebrado por sua atuação em favor da defesa da liberdade e dos mais necessitados. Durante o período da ditadura militar no Brasil, após ser empossado como arcebispo de Recife e Olinda, Dom Helder e mais 17 bispos do Nordeste pediram a liberdade das pessoas e da Igreja. Em 1969, ele criticou a situação de miséria dos agricultores nordestinos. 

A Campanha da Fraternidade tem hoje os seguintes objetivos permanentes: Despertar o espírito comunitário e cristão no povo de Deus, comprometendo, em particular, os cristãos na busca do bem comum; educar para a vida em fraternidade, a partir da justiça e do amor, exigência central do Evangelho e renovar a consciência da responsabilidade de todos pela ação da Igreja na evangelização, na promoção humana, em vista de uma sociedade justa e solidária.

botão 02-01.png
bottom of page