CAPA FANPAGE_CAMPANHA_AURORA2.jpg

Propostas para

EDUCAÇÃO

  1. Lei da escola sem violência: assegura a liberdade de cátedra, previne e resguarda contra o assédio moral e/ou sexual a professoras/es e alunas/os, estabelece políticas de promoção ao respeito da comunidade escolar, sem discriminação de gênero, raça, etnia, orientação ou identidade sexual e promove a educação para os direitos humanos.

  2. Nenhuma criança fora da escola: fiscalizar o poder público e tomar todas as medidas legais e judiciais cabíveis quando alguma criança tenha seu direito à educação negado pelo município.

  3. Elaborar cadastro de crianças em situação de rua ou de ocupações, intervindo para que seja assegurado o direito à escola dessas crianças.

  4. Lutar pela implantação de escolas integrais, articuladas com cultura, esportes e lazer;

  5. Merenda e segurança alimentar: fiscalizar as contratações e desvios de verbas da merenda escolar e garantir alimentação de qualidade para nossas crianças.

  6. Posicionar-se a favor das lutas de professoras/es em defesa do cumprimento do piso salarial e de condições de trabalho dignas, lutar pela valorização profissional, pela implementação de plano de cargos e carreira.

  7. Fiscalizar e lutar, ao lado de estudantes e professoras/es, pela qualidade do ensino, por infraestrutura física e acadêmica que favoreça o ensino e a aprendizagem, por acesso a livros digitais ou físicos, por programas de estímulo à leitura e ao estudo e à formação continuada de professoras/es.

  8. Lutar pela garantia de que as políticas públicas de educação sejam discutidas e decididas com a participação de professoras/es, estudantes e gestoras/es.

  9. Revisar a estrutura do PROUNI Recife, a fim de que atenda prioritariamente os interesses da classe estudantil.

  10. Assegurar a prioridade de matrícula na rede pública municipal de acordo com o domicílio do estudante, evitando deslocamentos.

  11. Lutar pela inclusão digital dos alunos da rede pública municipal.

  12. Cumprir a meta de 50% de atendimento de crianças de 0-3 anos na educação infantil - creche.

  13. Lutar por assistência psicológica e social para professoras/es que sofrem violência no trabalho.

  14. Lutar pela realização de concurso público municipal para professoras/es e demais trabalhadoras/es da educação.

  15. Curricularização da cultura popular.

    EDUCAÇÃO INCLUSIVA

  16. Acompanhar e fiscalizar os casos de recusa de vaga de alunas/os com necessidades especiais em instituições de ensino públicas ou privadas, e contribuir para que sejam tomadas as medidas cabíveis. 

  17. Apoiar medidas que favoreçam a inclusão de alunas/os com necessidades especiais no ensino regular.

  18. Acompanhar e fiscalizar o cumprimento da legislação federal e municipal acerca da educação inclusiva.

  19. Cobrar do governo municipal a formação continuada de professoras/es, através de cursos específicos.

  20. Cobrar do governo municipal a contratação de professoras/es especializadas/os para trabalhar no atendimento educacional especializado.